Chubby Hanson explicou porque ele acha que o Judas ficou de fora

Como acontece todo ano, a instituição do “Rock And Roll Hall Of Fame” introduz novos membros a um seleto grupo de artistas, considerados os mais relevantes para a história da música moderna.

É um processo lento, o que causou a revolta dos fãs pela demora que bandas como Kiss e Deep Purple tiveram para se juntar a Metallica, Black Sabbath, Guns N’ Roses, Aerosmith, Led Zeppelin, Pet Shop Boys, Jeff Beck, Britney Spears e The Rolling Stones.

Na última votação, o Judas Priest perdeu a vaga para o Bon Jovi, o que deixou decepcionada uma legião de fãs da banda.

Chubby Hanson, baixista do Hanson falou com exclusividade ao FakeMetal sobre a indicação:

“Foi uma grande surpresa. Realmente não estávamos esperando, ainda mais concorrendo com grandes bandas como Judas Priest, Bon Jovi e Morbid Angel. Ficamos honradíssimos com a indicação e estamos muito empolgados para a cerimônia de introdução ao Hall Of Fame”.

Sobre o fato do Judas Priest não ter entrado ainda, Chubby declarou:
“Judas Priest é um ícone do Heavy Metal. Fizeram grandes hinos, como ‘Breaking The Law’, ‘Painkiller’, ‘Metal Goods’, ‘Fear Of The Dark’ e ‘You Got Another Thing Coming’, mas o fato é que nenhum desses hinos chegou tão alto nas paradas como ‘MMMBop’, nosso maior sucesso, que ganhou 15 discos de platina, 8 de ouro e 3 de fibra de carbono. Temos certeza de que isso pesou muito, mas também temos certeza de que o Judas Priest entrará muito em breve”.

Além do Hanson, os outros artistas selecionados na última votação foram Bon Jovi, Shakira, Eminem e Morbid Angel e a 33ª cerimônia de introdução será em 14 de abril de 2018 em Cleveland, Ohio e terá como apresentador Klipsch Audio.

Confira mais notícias sobre: